domingo, 9 de maio de 2010

BELA HISTÓRIA DE UM AMOR

Éramos dois sozinhos, desesperançosos do amor.
Acomodados em nosso mundo vazio e desinteressante.
Sentindo-nos felizes em nossa realidade solitária.
Crentes que nada mais nos surpreenderia.

Então fomos apresentados. Amor à primeira vista.
Eu fui devagar: bom demais para ser verdade!
Você foi direto: minha intuição, que é boa, alerta:
Encontrei uma mulher especial.

Quem não se entregaria diante desta certeza?
Mas para não parecer fácil demais,
Especialmente à razão, que para tudo quer provas,
Decidi tentar, e que o tempo nos fosse juiz.

Recrutei o intelecto, que ficou instigado
Ergui barreiras de lógica, que foram subjugadas.
Sem mais argumentos, abri o coração, que foi conquistado.
E arrebatada, entreguei meu corpo para ser amado.

Você, que me intuiu, antes de me conhecer,
Que se mostrava tão garantido em suas certezas
Balanceou diante de minhas inseguranças, e relutou...
Mas o amor foi mais forte e a serenidade se restabeleceu.

E hoje celebramos a certeza do futuro que nos aguarda,
De dias ensolarados, de noites apaixonadas e tempos de paz.
Fazemos planos, idealizamos sonhos, cultivamos a relação
Confiando que superar podemos, tudo que está por vir.

2 comentários:

Analuz disse...

Que lindo!! felicidades, amiga!

Anônimo disse...

Linda história de amor.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...