sexta-feira, 9 de julho de 2010

MADRUGADA

Madrugada,
Silêncio da terra
Ciclo de um novo dia
De esperas.

Madrugada
Silêncio inquietante
Vazio, angústia, insegurança,
Pra quem espera (alguém).

Madrugada,
Silêncio irritante.
Insônia, raiva incontida,
Pra quem espera (o sono).

Madrugada,
Silêncio devocional
Louvor, súplica, encontro consigo,
Pra quem espera (o inesperado).

Madrugada,
Silêncio inspirador,
Sonho, invenção, genialidade,
Pra quem espera (o estro).

Madrugada,
Silêncio da terra,
Ciclo efêmero de mais um dia
Pra quem espera (a aurora).

3 comentários:

Analuz disse...

Nossa! Maravilha...

Inspirada, moça!

Beijo!

Doroni Hilgenberg disse...

Maravilha essa madrugada com diferentes facetas, mas para quem
anteve a auroras, ela é linda!
bjs

Doroni Hilgenberg disse...

Clarice,
Li a mensagem de Paulo Coelho em seu Blog. É tão verdadeira que dó, e se coaduna com meu poema
quando quiser ler...

http://doronihilgenberg.blogspot.com/2009/06/liberdade.html

bjs

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...